sexta-feira, 9 de setembro de 2011

A IGREJA APOSTÓLICA É REALMENTE APOSTÓLICA? (Parte 3)

NOVO APOCALIPSE
Comentando sobre o livro do Apocalipse, recebido por Jesus e transmitido a João, o apóstolo, na Ilha de Patmos (Ap 1.1,10), afirmam os apostólicos que se  repetiu o episódio para nossos dias, por intermédio da Santa Vó Rosa. “Nosso Deus tem o poder de usar pessoas inteiramente santificadas que herdaram galardão no Céu, ou seja, Santos, para poder revelar-se aos seus servos na terra e é o que anunciamos a respeito da Santa Vó Rosa. Assim como Ele usou santos e anjos do Céu para falar a São João, atualmente Ele usa a Santa Vó Rosa que é uma das principais pessoas celestes, à semelhança de Jesus e Maria Santíssima. Ele a usa para  dirigir esta Igreja Apostólica como Igreja dEle e do Pai, o que Ela, a Santa Vó Rosa, o faz usando seu Sucessor e Primaz desta Igreja, o irmão Aldo Bertoni.”  
Essas declarações são fantásticas! A IA estar sendo dirigida pela Santa Vó Rosa, que é, nada mais, nada menos, do que “uma das principais pessoas celestes”, comparada a Jesus e Maria  Santíssima. De Jesus a Bíblia declara que lhe foi dado todo o poder no céu e na terra (Mt 28.18), mas se existem mais duas pessoas com poder igual ao de Jesus (Santa Vó Rosa e Maria Santíssima), então Jesus não tem todo o poder, pois o seu poder está repartido com mais duas pessoas. Contra essa relação de poder tripartido, Paulo reiterou que Jesus foi colocado à direita do Pai, “Acima de todo principado, e poder, e potestade, e domínio,  e de todo nome que se nomeia, não só neste século, mas também no vindouro. E sujeitou todas as coisas a seus pés e, sobre todas as coisas, o constituiu como cabeça da igreja, que é o seu corpo, a plenitude daquele que cumpre tudo em todos.”(Ef 1.20-22). Isso mostra que o poder de Jesus é absoluto, e não repartido (Fp 2.9-11).
Quando Jesus anunciou a vinda do Consolador (Jo 14.16,26; 15.26; 16.7-9) não falava de uma mulher pretensiosa que iria usurpar o lugar do verdadeiro Espírito Santo, a terceira pessoa da Trindade, que veio, não quando essa mulher, Santa Vó Rosa, faleceu. O Espírito Santo prometido por Jesus veio, sim, depois da exaltação de Jesus, dez dias após a ascensão física, glorificada, de Jesus (At 1.9-11; 2.1-4,33) Se essa pretensão da IA promoveu o que eles denominam de ‘doutrina genuína’, quando não passa de ensino de perdição (II Pe 2.1,2), então o que pode ser classificado ensino falso por esse grupo religioso? Não é sem razão que Paulo avisou: “Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios.” (I Tm 4.1) Uma blasfêmia inominável atribuir a uma mulher as funções do Espírito Santo junto aos homens (Jo 16.7-9).
NOVA ARCA DE NOÉ
Várias organizações religiosas reivindicam ser a Arca da Noé. Exemplos dessa pretensão são as Testemunhas de Jeová (Poderá Viver... para 255); os católicos no Terceiro Catecismo de Doutrina Cristã, pergunta 168. Agora, surge a AI e atribui tal analogia à Santa Vó Rosa. Diz ela:
“Nos tempos presentes anunciamos que a Santa Vó Rosa, como Espírito Consolador, é a nova arca da salvação, pois que à semelhança de Noé, Ela anuncia através de seu Sucessor e da realização desta Igreja Apostólica, que estamos nos Tempos do Fim, ou seja, nos tempos do juízo divino...” “Assim cumpre-se a palavra de Jesus quando disse que nos seus dias se daria um fato semelhante ao acontecido nos dias de Noé.” “... e a Santa Vó Rosa, à semelhança da arca de Noé, constituiu-se na última oportunidade para todos quantos queiram encontrar-se realmente com Deus e alcançarem a verdadeira vida.”
 Jesus disse que sua vinda seria como nos dias de Noé (Mt 24.37), mas não disse que a IA  seria a Arca  Noé  , e que ele próprio iria  levar sua Igreja para o céu (Mt 24.29-31).  Simbolicamente, Jesus poderia ser comparado à arca de Nóe, mas não uma igreja  poderia representar essa arca (I Co 3.11).
MILAGRES
Nada resta à Santa Vó Rosa para ser divinizada. Dentro da Igreja Católica, para alguém ser canonizado e tornado santo, devem ser atribuídos a ele alguns milagres. Na IA atribuem-se milagres a ela com muita naturalidade e sem número.   “Os milagres extraordinários que estão sendo realizados pela Santa Vó Rosa e pelo seu Sucessor, à frente desta Igreja, o irmão Primaz Aldo Bertoni, comprovam que tudo o que temos anunciado é a mais pura realidade e a mais perfeita doutrina.”  Continua  a propaganda mentirosa de milagres operados pela Santa Vó Rosa, dizendo: “Grandes milagres e sinais a Santa Vó Rosa já tem operado, provando que estamos na era do Consolador.”   Se realmente existem milagres atribuídos a ela, então são milagres de mentira (II Ts 2.9-11). Jesus prometeu a realização de milagres no seu nome (Mc 16.17,18), e não no nome da Santa Vó Rosa, que não passa de uma usurpadora das atividades do Espírito Santo, a terceira pessoa da Trindade.
A VOLTA DE JESUS
Nós, cristãos evangélicos, aguardamos a segunda vinda de Cristo, que virá acompanhado de anjos, arcanjos e querubins (I Ts 4.16,17), mas ignorávamos que junto à corte angelical viesse também a Santa Vó Rosa e Maria Santíssima.  Maria Santíssima irá ressuscitar quando seu Filho voltar e fará parte da primeira ressurreição, mas nunca esperávamos ler que, além de Maria Santíssima, ainda teríamos uma acompanhante de maior autoridade do que Maria.  Desconhecíamos essa informação por falta de apoio bíblico (I Co 4.6).
 “De acordo com nossa doutrina apostólica, a chamada segunda vinda Cristo se iniciou quando Ele pessoalmente manifestou-se à Santa Vó Rosa, para prepará-la a fim de ser o outro Consolador e para restaurar sua verdadeira Igreja na terra.” “Ele, Jesus, realmente aparecerá nas nuvens do Céu, acompanhado pela Santa Vó Rosa, por Maria Santíssima, pelos Santos Apóstolos e Profetas, bem como de toda a corte celestial; no momento em que ressurgirão com Ele todos os salvos e santos, os quais já terão deixado os seus corpos e assim ressurgirão redivivos; dar-se-á então o arrebatamento dos santificados que na terra ainda estejam em seus corpos...” Nunca pensamos que poderíamos ler em alguma ocasião que seríamos arrebatados pela Santa Vó Rosa na vinda de Jesus.
Dizem eles: “Jesus e a Santa Vó Rosa podem vir de um momento para o outro arrebatar sua Igreja, a mais perfeita garantia para a entrada segura no céu.”... “Nos dias presentes quem unge assim o seu povo em nome de Jesus, do Pai e do Espírito Santo é a Santa Vó Rosa como Consolador.”  
PORTA DO CÉU
Sempre soubemos que a exclusividade para a entrada no céu era direito de Jesus (Jo 14.6; I Tm 2.5). Sempre repelimos o ensino católico de que Maria e a Igreja Católica também tinham esse privilégio. Agora tomamos conhecimento do ensino herético de que Jesus cedeu parceria à Santa Vó Rosa e à Igreja Apostólica.  Assim se expressa a AI:  
 “Por isso afirma ainda que bem-aventurados os que se santificam para terem o direito à árvore da vida, isto é, para estarem ligados espiritualmente ao Consolador enviado, à Santa Vó Rosa e à sua verdadeira Igreja, para poderem entrar na cidade (no Reino do Céu) pelas portas do verdadeiro poder de Deus.” 
São essas razões provas bíblicas de que realmente a Santa Vó Rosa é o Consolador, prometido por Jesus? A IA, pelo que temos lido nos livros-padrão compõe-se de poucas verdades e muitas heresias. O Primaz da Igreja, Aldo Bertoni, não passa de resultado de nepotismo, pois não é alguém neutro, mas sobrinho da falecida Santa Vó Rosa.  Goza de mais autoridade do que o Papa, pois recebe mensagens diretas do Consolador, ou seja, da Santa Vó Rosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário